Notícias

Pico da Covid-19 em Toledo será nas primeiras semanas de abril, diz prefeitura

Em coletiva de imprensa, realizada na manhã de quarta-feira (25), a secretária municipal de saúde, Denise Liel, atualizou sobre as novas medidas adotadas pelo município de Toledo no combate ao novo coronavírus. Ao todo, foram registrados 18 casos suspeitos de Covid-19 até o momento na cidade. Destes, três já foram descartados até terça-feira (24) e na quarta-feira (25) mais quatro casos tiveram o resultado de exames negativo para Covid-19. A partir de segunda-feira (30), a Unidade Básica de Saúde do Jardim Bressan será fechada. Segundo Denise Liel, a medida serve para concentrar as equipes de saúde em outros pontos da cidade. "Quem precisar de atendimento pode procurar a UBS do Jardim Panorama que será atendido normalmente", disse a secretária municipal de saúde. Não foi descartada a possibilidade de fechamento de outras unidades de saúde da cidade. No período da tarde, equipes da prefeitura vão se reunir com a Secretaria de Estado da Saúde para definir os próximos passos para conter a disseminação da Covid-19. Denise Liel também comentou sobre o prognóstico em relação aos casos do novo coronavírus em Toledo. "Temos que nos preparar, o pico da doença será entre a primeira e segunda semana de abril. Precisamos de médicos, enfermeiros e reforçar também o setor administrativo, precisamos nos unir", afirmou a secretária de saúde. A equipe da saúde de Toledo também reforçou o pedido para que as pessoas fiquem em casa e que ninguém está livre de ser infectado pelo vírus. O isolamento domiciliar e social é uma das únicas medidas que podem barrar o ciclo de transmissão da doença, segundo orientações do Ministério da Saúde. Denise Liel alertou a população de Toledo informando que não existe laboratório particular autorizado a realizar o exame na cidade. "A coleta do material e diagnóstico da doença é uma tarefe exclusiva da equipe municipal de saúde", encerrou a secretária de saúde.

Fonte: Catve